Pedra na Vesícula (Colelitíase): principais sinais e sintomas.

Você sabe o que é Pedra na Vesícula? Sabe quais são as causas da Pedra na Vesícula? Conhece os sintomas de Pedra na Vesícula? Como saber se está com Pedra na Vesícula? Sabe como prevenir a Pedra na Vesícula? Essa e todas suas dúvidas sobre Pedra na Vesícula serão sanadas hoje, confira nosso texto:

A vesícula biliar é um órgão que fica localizado abaixo do lado direito do fígado, que tem como função armazenar o líquido produzido pelo fígado, a bile, que atua na digestão de gordura no intestino. A saturação de sais biliares ocorre quando certos elementos estão em excesso. Como resultado, pedras se formam na vesícula biliar ou no ducto biliar.

Quer saber mais sobre pedra na vesícula? Acompanhe esse post até o fim. A seguir, listamos os principais tópicos que abordaremos. Veja:

1. O que são Pedras na Vesícula (Colelitíase)?
2. O que pode causar Pedra na Vesícula (Colelitíase)?
3. Quais os sintomas de Pedra na Vesícula (Colelitíase)?
4. Quais são os tratamentos para Pedra na Vesícula (Colelitíase)?
5. Quando operar a Pedra na Vesícula (Colelitíase)?
6. Onde posso tratar e operar a Pedra na Vesícula (Colelitíase) em Belém e Ananindeua?

1. O que são Pedras na Vesícula (Colelitíase)?

A pedra na vesícula, também conhecida como cálculo biliar, fica localizada na vesícula biliar, que é um órgão que fica situado no lobo inferior direito do fígado.
A bile produzida pelo fígado consiste em uma mistura de várias substâncias, incluindo colesterol, e é responsável por cerca de 75% dos casos de formação de pedra na vesícula.
Alguns dos cálculos biliares ficam na vesícula biliar e não causam sintomas, já outros ficam presos no ducto biliar e impede que a bile flua para o intestino. Esse bloqueio pode causar cólica biliar, que é caracterizada por dor intensa no lado superior direito do abdômen ou entre as omoplatas nas costas.

2. O que pode causar Pedra na Vesícula (Colelitíase)?

Uma das causas da pedra na vesícula é genética, podendo ser herdada de familiares. Porém a principal causa da pedra na vesícula é a alteração da composição da bile, e algumas das nossas ações diárias podem influenciar essa modificação, como:

- Alimentação rica em gorduras e carboidratos e pobre em fibras;
- Sedentarismo;
- Tabagismo;
- Uso prolongado de anticoncepcionais;
- Obesidade;
- Elevação de LDL (mau colesterol) e diminuição do HDL (bom colesterol);
- Diabetes;
- Hipertensão (pressão alta);

3. Quais os sintomas de Pedra na Vesícula (Colelitíase)?

Algumas pedra na vesícula podem não ter sintomas, mas um dos principais sintomas da pedra na vesícula são dores fortes no lado direito do abdómen ou na parte central, dores nas costas do lado direito, entre as omoplatas, náuseas, vômitos e inchaço abdominal, entre outros como:

- Dor abdominal: as dores abdominais são as primeiras manifestações da pedra na vesícula, especialmente quando os cálculos são grandes ou pequenos, mas em grande quantidade. A pedra na vesícula faz com que os órgãos incham, causando dor que irradia do lado direito (onde a vesícula biliar está localizada) para outras áreas do abdômen. Além desse sintoma, dor de cabeça, febre ou calafrios também podem ocorrer.

- Icterícia: a icterícia é caracterizada por um amarelamento da pele, das escleras (parte branca dos olhos). Ocorre quando a bilirrubina se acumula e se deposita nos tecidos corporais.

- Diarreia e fezes esbranquiçadas: A função do suco biliar é ajudar o organismo a digerir a gordura dos alimentos. Quando isso não acontece, da bile não encontrar os alimentos, a gordura não será digerida e isso é o que causa a diarreia.

- Urina escura: Quando a bilirrubina não é excretada, ela fica acumulada nos tecidos, e desse modo o organismo cria um mecanismo compensatório, e que geralmente o excesso dessa substância será eliminado pela urina, fazendo com que a coloração da urina fique escura.

4. Quais são os tratamentos para Pedra na Vesícula (Colelitíase)?

Atualmente o único tratamento para pedra na vesícula é o tratamento cirúrgico. Vários fatores são levados em consideração para a escolha de qual método cirúrgico será o ideal pra o paciente, são eles: sintomas, tempo de evolução, tamanho dos cálculos, tamanho das vias biliares, idade, peso e até doenças existentes.

5. Quando operar a Pedra na Vesícula (Colelitíase)?

Quando nenhum tratamento resolve o problema da pedra na vesícula, devemos partir para algo maior, uma cirurgia. A cirurgia para pedra na vesícula é a remoção de toda a vesícula, pois caso contrário o cálculo biliar tem 100% de chances de ressurgir nos pacientes.
O nosso organismo tem a capacidade de digerir e absorver os alimentos normalmente sem  auxílio da vesícula.

6. Onde posso tratar e operar a Pedra na Vesícula (Colelitíase) em Belém e Ananindeua?

Os exames, tratamento e cirurgia de pedra na vesícula podem e devem ser realizados na Clínica Rede Mais Saúde, onde contamos com especialistas no assunto e preços justos para toda região de Belém e Ananindeua.

A nossa Clínica Rede Mais Saúde possui uma das melhores infraestruturas da região e conta com mais de 20 especialidades médicas, dentre elas, está a bartolinectomia.

O Nosso endereço na cidade de Belém é: Av. Alm. Barroso, 4750 - Souza, Belém - PA, 66645-250.
Já na cidade de Ananindeua, você pode nos encontrar no endereço: Tv. SN 24, 1357. Ananindeua, PA.

Clique para Ligar

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias para oferecer melhor experiência e conteúdos personalizados, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.


Li e aceito as políticas de privacidade.